Tradução em andamento do livro “A Dispensational or a Covenantal Interpretation of Scripture - Which is the Truth?” por Bruce Anstey
Este livro encontra-se em processo de tradução, portanto para uma leitura mais ordenada sugiro que comece pela postagem mais antiga no Arquivo da coluna da direita.

MATEUS 15

A insistência dos líderes da nação em encontrarem alguma falta no Senhor provava que seus corações estavam determinados a rejeitá-Lo como Messias de Israel (vers. 1-2). Eles consideraram uma ofensa Ele e Seus discípulos não lavarem as mãos, pois estariam transgredindo “a tradição dos anciãos”, que eram meros ensinos rabínicos que eles próprios tinham inventado, e não determinações bíblicas como as existentes na Lei de Moisés. Contrapondo suas tradições humanas o Senhor lhes perguntou a razão de transgredirem “o mandamento de Deus” — a verdade das Escrituras (vers. 3-6). Ao fazer tal pergunta o Senhor mostrava o quanto os judeus haviam se afastado da verdade da Palavra de Deus. Eles eram meticulosos em guardar suas próprias regras e regulamentos criados por homens, mas não tinham escrúpulos em transgredir a Lei de Deus!

Postagens populares